VASP – Fotos, Aviões

Aviões da VASP viram sucata

A VASP, era uma companhia aérea com sede no Aeroporto de Congonhas em São Paulo. A companhia aérea foi fundada em 04 de novembro de 1933 pelo governo do estado de São Paulo e iniciou suas operações em 1933. A VASP foi a primeira companhia aérea a servir o interior do estado de São Paulo.

Embora tenha sido muito bem gerida como uma empresa estatal, em 1980 a VASP sofria com problemas de ineficiência, perdas por injeções de capital do Estado, e uma folha de pagamento inchada por razões políticas. Sob as políticas neoliberais do governo que haviam sido introduzidas na época, a VASP foi privatizada em 1990. A participação majoritária foi comprada pelo Grupo VOE / Canhedo.

Sob o comando de seu novo proprietário e presidente, Wagner Canhedo, a VASP rapidamente expandiu as operações no país, e criou rotas internacionais, sendo a segunda empresa brasileira a fazê-lo depois de 1965. No entanto, depois de muitos anos de má gestão, prejuízos financeiros, dívida crescente e mau crédito, em 2002, cancelou todas as suas operações internacionais para se concentrar no mercado doméstico. Nesta época a companhia despencou da segunda para a quarta posição no mercado aéreo brasileiro, voando uma frota envelhecida de Boeing 737 e A300s Airbus.

A empresa enfrentou sua pior crise em 2004, que levou à suspensão do serviço a muitas cidades brasileiras e cancelamento de vôos. Como resultado, a VASP  teve sua participação no mercado doméstico reduziu para 10%.

Em dezembro de 2007, a única atividade da empresa era oferecer serviços de manutenção para outras companhias aéreas. No entanto, em 2008 declarou falência.

Em agosto de 2011, nove dos aviões da empresa (sete Boeing 737-200s e dois Airbus A300s), que estavam encontados no aeroporto de Congonhas, começaram a ser desmontados e vendidos como sucata em leilão.





Add a Comment

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *